Amamentação e o desenvolvimento cerebral

O desenvolvimento cerebral começa na gestação e continua numa velocidade absurda nos primeiros dois anos de vida até a adolescência e adiante. Ao nascimento, há bilhões de neurônios que imediatamente começam a fazer conexões e sinapses com outros neurônios como resultado da interação. Quanto mais deflagradas são essas conexões por meio da interação (em especial da criança com os pais) mais eles se desenvolvem. No início desse desenvolvimento neural, o refinamento (a qualidade) desse desenvolvimento tem total relação com as experiências pelas quais a criança passa, bem como ambiente em que está inserida.
…….
Crianças pequenas tem o neocortex (responsável pelo pensamento racional e criativo) pouco desenvolvido e seu comportamento é controlado basicamente pelo sistema límbico (que controla as emoções básicas, medo e prazer). Isso significa que eles não conseguem racionalizar seus sentimentos de medo, stress e PRECISAM de seus pais para serem cuidados, receberem conforto e aprenderem a lidar com as emoções. E como os pais podem confortar seus bebês?

🤱🤱🤱🤱🤱🤱🤱🤱🤱🤱🤱🤱🤱🤱🤱🤱🤱🤱

– Colo quando chorarem;
– contato pele a pele frequente;
– AMAMENTANDO como forma de conforto e acalento, indo além da alimentação;
– mantendo o bebê por perto, tocando-o de maneira delicada, massageando;
– conversando com o bebê!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *