Teor de gordura no leite materno.

Um grupo de pesquisadores procurou analisar o total de gordura, proteína e carboidratos no leite materno de mães que amamentam por menos de 12 meses, 12-18 meses, 18-24 meses e mais de 24 meses. Eles descobriram que o leite materno produzido acima de 1 ano de lactação é extraordinariamente rico em gordura e tem um conteúdo energético mais alto do que o produzido durante os primeiros 6 meses de vida. Mães com mais gordura e proteína no leite amamentaram por mais de 2 anos após o parto!

Além disso, os pesquisadores verificaram que a saúde da mãe também está fortemente correlacionada com a duração da lactação, ou seja, a amamentação continuada até os 2 anos de idade protege contra o câncer de mama; a proteção contra a mortalidade e a morbidade por doenças infecciosas se estende até o segundo ano de vida, e a amamentação evita metade das mortes causadas por infecções em crianças de 6 a 23 meses.

Fonte: Czosnykowska-Łukacka M, Królak-Olejnik B, Orczyk-Pawiłowicz M. Breast Milk Macronutrient Components in Prolonged Lactation (2018).

Deixe uma resposta